Ainda está zangada?

FERNANDA SILVA.jpeg

 

Ainda estás zangada comigo, Fernanda? Estamos na idade do perdão e espero que consigas perdoar-me. Cometi um erro, de que me arrependo, naquela noite infausta que aconteceu à mais de 50 anos.

Em poucos minutos mudamos irremediavelmente o curso das nossas vidas. Provavelmente, até foi bom para ti não teres casado com um homem inseguro, complicado, cuja vida seguiu caminhos sinuosos que não são normais. Um homem que nunca teve ambições e que desperdiçou a vida atrás de ideais que nunca se concretizaram. Perdi o teu amor e, provavelmente, não tive outro igual: são perguntas a que não sabemos responder.

Ambos mudamos, já não és a rapariga bonita (não quero dizer que já não o seja) e alegre que conheci há mais de cinquenta anos, eu também mudei mas continuo magro e triste como me conheces-te.

 

É a memória que manda em nós, não somos nós que comandamos a memória.

tags: , ,
publicado por pimentaeouro às 22:27